Após “quase” cair em um golpe do Pix, uma empresária carioca decidiu denunciar o caso em suas redes sociais. Por sorte, a pessoa que tentou enganá-la fez uma montagem tão grosseira que acabou virando meme internet afora.

No print divulgado por Jéssica Rodriguez, o golpista acrescentou um “Ido” ao botão de “Transferir”, simulando uma confirmação de pagamento (falsa).

“Gente, agora eu tô rindo, mas na hora eu fiquei muito nervosa!”, disse Jéssica.

Leia também: Freira de 67 anos é a nova campeã mundial de taekwondo

A carioca é formado em Nutrição e mantém uma loja de roupas on-line.

Inicialmente, ela ficou muito feliz ao receber via Direct um pedido grande no total de R$ 3.200. “Estranhei, mas fiquei muito feliz”, contou ela g1.

“Foram peças variadas, a maioria jeans, que são as mais caras da minha loja”, lembrou.

O pseudo comprador supostamente tinha um e-commerce também, e não quis pagar adiantado, alegando ser um valor muito alto.

Então, acertou fazer o Pix no dia da entrega, nesta quarta-feira (25).

“Chamei o Uber, mandei foto… tudo ao vivo: ‘Estou despachando agora, o Uber é esse’. E ele falou que na metade do caminho faria a transferência”, contou.

As roupas estavam em trânsito quando o golpista começou a dar desculpas de lentidão no banco e instabilidade no sistema. “A foto tá carregando. Desculpa, meu cel é muito travado. iPhone 6, sabe como é”, escreveu.

Daí veio o notório print e a empresária sacou o que estava acontecendo.

Pouco depois, mandou o motorista voltar. “Se ele faz uma montagem direitinha, eu poderia achar que era instabilidade do banco”, pontuou. “Na hora eu tinha recebido um outro pix, não era do banco”, destacou.

Não demorou muito para o ‘comprador’ desaparecer.

“As pessoas querem que eu divulgue e estão querendo saber a todo custo quem é, mas a loja não existe mais. O perfil sumiu e não tem nem sinal de fumaça”, concluiu.

Leia também: “Foi uma oportunidade única”, diz padre que celebrou casamento do neto em Porto Alegre

Fonte: G1

Compartilhe o post com seus amigos! 😉

RECOMENDAMOS