Antônio, de 58 anos, abriu mão de tudo que tinha para se dedicar a um projeto social e um compromisso que possui com cerca de 800 cães dos quais cuida.

Dono do São Cão, um abrigo em Maceió que resgata cãezinhos de rua e visa lhes dar novos lares, o homem possui um lote de cerca de 15 mil metros que transformou em um centro de acolhimento para os animais.

Apesar de sempre ter tido um carinho especial pelos animais, a iniciativa dele veio da morte de seu cachorro pit bull, que perdeu a vida para o câncer.

Devastado, Antônio largou o emprego e passou a investir no abrigo para que pudesse cuidar dos cães resgatados das ruas.

Sem renda fixa, o cuidador passou a morar junto a eles na fazenda, dormindo em uma mesa fria e dura para que pudesse ficar mais próximos a aqueles que precisavam de mais cuidado.

Leia também: Como passar um aniversário memorável sozinho?

Além dos gastos veterinários, diariamente ele estima comprar cerca de 200 quilos de ração consumidos pelos filhotes ali.

O abrigo possui três funcionários voluntários, sendo um deles a pessoa que viu o homem nas câmeras de segurança dormindo perto dos cães, tornando as imagens virais as redes sociais.

O São Cão, se mantém de doações e coletas, e apesar do aperto financeiro, Antônio afirma não se arrepender de ter largado tudo para se dedicar aos amigos de quatro patas.

Leia também: Pais comemoram fim de processo de adoção mostrando nova certidão de nascimento para filho

Fonte: Upsocl

Compartilhe o post com seus amigos! 😉

RECOMENDAMOS