Yogi, místico e visionário, Sadhguru é um mestre espiritual com uma diferença, uma mistura impressionante de profundidade e pragmatismo. Sua vida e obra servem como um lembrete de que o yoga é uma ciência contemporânea, vitalmente relevante para nossos tempos.

Sadhguru analisa como as pessoas enfraquecem a busca por seus maiores anseios por que estão sempre se contentando com “petiscos”, compras, entretenimento e várias outras coisas.

Ele explica que, pelo menos uma vez por ano, seria muito benéfico reservar duas semanas somente para si mesmo, quando poderá explorar e descobrir qual é o seu verdadeiro anseio nesta vida.

Leia também: Existe diferenças entre “religiosidade” e “espiritualidade”? Monge Genshô responde

Gostou desta reflexão? Então compartilhe com os seus amigos!

RECOMENDAMOS






Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!