Uma série de fotos compartilhadas pelo paranaense Reimackler Graboski comoveu milhares de internautas nas redes sociais.

Nelas, um professor de educação física interrompe uma partida de futebol entre seus alunos para incluir um coleguinha cadeirante que estava excluído do jogo.

O momento, até então prenunciado como uma cena triste, se transformou em uma imagem de inclusão e pura empatia.

Leia tambémApesar de todas as dificuldades, ex-seringueira viúva forma 11 filhos na faculdade

Eis que o professor pega a bola, chama todos os alunos do pátio e convoca o garotinho para cobrar o pênalti.

Para surpresa dos colegas, ele joga a bola no cantinho, fazendo um golaço!

Todos vibram juntos após o gol enquanto o menino corre com a cadeira de rodas pelo pátio.

Quem compartilhou as imagens foi o curitibano Reimackler Graboski, que provavelmente não esperava tamanha repercussão do seu post, que já acumula mais de 180 mil curtidas no Instagram.

A aula foi gravada na Escola Sidônio Muralha, que atende alunos do ensino fundamental.

“Hoje pela manhã, olho pela janela e vejo uma cena bem triste… Um garoto cadeirante sozinho num canto enquanto as crianças jogavam futebol na aula de Educação Física”, relatou Reimackler na publicação viral.

Sensibilizado com o que via, ele foi buscar a câmera para registrar o momento. Ao retornar, se surpreendeu com a atitude inclusiva do professor. “[Ele] arrumou até um pênalti meio duvidoso”, brincou.

“Foi uma cena linda e uma verdadeira aula de inclusão”, completou.

Leia também: Aos 88 anos, Glória Menezes surge em clique raro; saiba como atriz está hoje

Fonte: RPA

Compartilhe o post com seus amigos! 😉

RECOMENDAMOS