A pequena Alice, de 3 anos, é um fenômeno absoluto das redes sociais, apesar da tenra idade.

Nos últimos meses, a menina loirinha das palavras difíceis já acumulou mais de 3,4 milhões de seguidores no perfil da mãe no Instagram, Morgana Secco.

Em vídeos virais, Alice fala perfeitamente palavras compridas e complexas para uma criança, como “liquidificador” e “otorrinolaringologista”. Além disso, encantou a internet outra vez há algumas semanas, quando cantou a música “Anunciação”, de Alceu Valença.

Por fim, ainda estrelou um comercial na TV com ninguém menos que a atriz Fernanda Montenegro.

Ao portal Crescer, Morgana, que vive em Londres com a família há quase cinco anos, falou um pouco sobre as habilidades de Alice e como administra o sucesso dela. “Ficamos um pouco surpresos e um pouco assustados com a repercussão dela. Foi tudo muito rápido e, como qualquer coisa desconhecida, dá medo”.

Leia também: Família reconhece rapaz em imagem em que ônibus é arrastado em Petrópolis

Quando questionada com que idade Alice começou a falar palavras tão complexas, Morgana respondeu: “As primeiras palavras com significados, mas ainda silábicas, foram aos 7, 8 meses, mas achei normal. Perto de 1 ano, ela começou a falar quase tudo e, com 14 meses, falava frases longas e palavras mais complexas já. Foi nessa idade que percebi que ela tinha facilidade”.

Alice está mais desenvolvida que outras crianças da mesma idade. Para Morgana, as habilidades da filha são mais estímulo do que um mero dom natural.

“Em alguns aspectos como fala e desenho, ela é precoce. Em outros, está acompanhando a idade. Acho que é uma soma de genética, interesse e ambiente adequados que resultam nessas facilidades. Uma outra criança no mesmo ambiente possivelmente teria resultado diferente, assim como a mesma criança em outro ambiente com menos estímulos talvez não tivesse se desenvolvido tão rápido. Ela tem muita facilidade de compreensão e raciocínio, então acredito que possa, sim, ter um QI maior que a média”, disse.

A mãe de Alice também relembrou como o sucesso da filha começou.

“Eu já compartilhava minha rotina com ela nas redes sociais desde que ela nasceu. Um pouco inspirada pelo meu trabalho de fotografia de família com foco em cotidiano, um pouco como ferramenta para a família que mora no Brasil conseguir acompanhar o crescimento dela. Mas, no começo de 2021, alguns vídeos que fiz dela viralizaram e depois vieram outros ao longo do ano, o que acabou chamando atenção de muita gente e trazendo muitos seguidores”.

Sobre planos de médio e longo prazo, Morgana pontuou: “Tenho alguns projetos em mente focados em ajudar mães e pais com informações de qualidade para enriquecer a maternidade e a paternidade. Além de seguir compartilhando nossas rotinas e cotidiano, que já inspiram e ajudam tanta gente nas minhas redes sociais”, concluiu.

Leia também: Seus filhos levantaram voo. Agora dedique-se a viver sua vida

Fonte: Crescer

Compartilhe o post com seus amigos! 😉

RECOMENDAMOS