De forma geral, todo mundo já sabe que a Copa do Mundo do Qatar deve atrair a atenção de praticamente toda a população brasileira nos últimos meses do ano. E os afortunados que podem viajar até o Oriente Médio para acompanhar de pertinho o espetáculo já podem ir se preparando.

Dentre os principais preparativos para uma viagem internacional está a aquisição da moeda local, que no caso do Qatar é o rial, que estava sendo avaliada em R$ 1,44 na quarta-feira (07). De acordo com Fabrizio Velloni, economista-chefe da Frente Corretora, é imprescindível para os interessados em adquirir a moeda que acompanhem com frequência as variações na cotação para tirar proveito das oportunidades, mesmo que faltem ainda cerca de 80 dias para o começo da competição. “Até pela volatilidade que a moeda apresenta, vale a pena começar a comprar aos poucos”, relatou o especialista.

Com a proximidade cada vez maior do início da Copa do Mundo, a procura pelo rial tem crescido constantemente. De acordo com a Frente Corretora, apenas no mês passado a moeda chegou a crescer 17% em relação a julho, e essa valorização deve continuar sendo observada nas próximas semanas.

Mesmo tendo um histórico de alta volatilidade na relação entre o rial e o real, no período de um ano, entre julho de 2021 e julho de 2022, não ocorreu grande alterações no câmbio, já que a variação não ultrapassou a casa dos 2%. Dessa forma, segundo Valloni, é necessário que o brasileiro fique atento para tentar adquirir a moeda estrangeira em um ponto de baixa. Contudo, o especialista aponta que como o rial é um ativo de baixa liquidez, à medida que o Mundial se aproxima o seu custo de aquisição deve aumentar.

Brasil favorito nas plataformas de palpites

Única seleção pentacampeã mundial, o Brasil já tem despontado como favorito a vencer a Copa do Mundo do Qatar em algumas plataformas de apostas atuantes no país. Como dito anteriormente, mesmo faltando alguns meses para o pontapé inicial do Mundial, muita gente já tem feito seus preparativos para acompanhar o torneio, seja presencialmente ou à distância – e dentre esse público se destacam os palpiteiros. Aqui, eles podem aproveitar o melbet bônus para incrementar seu saldo e aumentar a quantidade de apostas que podem fazer na Copa do Mundo do Qatar. No entanto, a promoção ofertada pela plataforma pode ser utilizada por qualquer torcedor para palpitar nos jogos do seu time do coração ou até para arriscar alguns pitacos em outras modalidades esportivas, como basquete, F1 ou MMA.

Em relação ao favoritismo do Brasil nas casas da palpites, o CMO do galera.bet, Ricardo Bianco Rosada, explica como as operadoras chegam aos dados para determinar o favoritismo de uma equipe em determinada competição. “Recebemos os dados estatísticos de empresas especializadas no assunto. Eles usam inclusive inteligência artificial e machine learning, também aliado ao conhecimento e sensibilidade de profissionais super capacitados, com anos de experiência. Detalham time por time, bem como o desempenho das seleções nas principais competições que disputaram as Eliminatórias, o valor dos elencos, os resultados nos últimos amistosos pré-Copa do Mundo, bem como elas chegam ao Mundial e, claro, a performance individual de cada atleta”, aponta o executivo.

Atualmente, na galera.bet, o título da seleção brasileira no Mundial paga 5.50 para cada real apostado, enquanto isso, a atual campeã do torneio, a França, está pagando 7.00. Contudo, segundo Rosada, essas cotações podem mudar de acordo com o rumo da competição. Isso porque, caso um jogador importante do Brasil se machuque, por exemplo, a tendência é de que a força da seleção diminua para o próximo confronto, o que também reduz o seu favoritismo nas casas de apostas.

Na estreia do Brasil contra a Sérvia, os odds da galera.bet para vitória da seleção tupiniquim é de 1.41, já para o triunfo dos adversários é de 6.90, enquanto o empate paga 4.33. Números semelhantes têm sido vistos em outras plataformas, como na Casa de Apostas, onde no mesmo confronto a vitória do Brasil paga 1.45, a da Sérvia chega a 6.20 e o empate fica em 4.06.

RECOMENDAMOS






Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!