Os animais de estimação não são apenas simples companheiros ou uma presença positiva em nossas vidas, mas nossos melhores amigos, em todas as situações.

Em um vídeo compartilhado no TikTok, um cachorrinho chamado Kane é visto descansando no chão enquanto é acariciado e mimado por uma equipe veterinária. Horas antes, o animal teve sua pata dianteira direita amputada devido a uma infecção generalizada.

Leia também: Aumento da ansiedade na pandemia leva pacientes a buscarem o auxílio das mandalas terapêuticas

Cerca de um mês após a operação, Kane estava pronto para ir para sua nova casa e aguardando ansiosamente seu novo dono.

Quem o acolheu foi Dane Orozco, um homem de 42 anos que se revelou a pessoa ideal para adotar Kane. O morador da Califórnia (EUA) também perdeu a perna direita em 2016 devido a uma infecção generalizada, e demorou muito para se recuperar emocionalmente do forte golpe que essa amputação significou pra ele.

“Isso me afetou de muitas maneiras, boas e más. Principalmente ruim porque eu não posso mais ser o homem que costumava ser. Eu ainda posso fazer coisas, mas leva mais tempo e esforço extra para fazer as coisas que eu quero e isso me causa depressão e ansiedade todos os dias”, disse.

O homem comentou que a única maneira de se livrar da depressão e que o deixava feliz era estar com cachorros, então ele visitou um abrigo perto de Los Angeles para ver se encontrava algum animal.

Vendo Kane, ele soube imediatamente: tinha que levá-lo para casa. “Eu imediatamente me apaixonei por ele. Ambos temos a perna direita amputada”, comentou. E a verdade é que o vídeo que mostra o primeiro encontro deles é realmente chocante pela emoção, que definiria a relação entre os dois no futuro.

Orozco diz que Kane se acostumou muito bem com sua nova vida e a falta de sua perna não foi um impedimento para desfrutar e confiar. O cachorrinho o segue por toda parte e raramente está a mais de alguns centímetros de distância dele.

“Minha vida mudou, agora me sinto melhor e ele tem sido a terapia de que eu precisava. Posso ir até ele quando estiver triste e melhorar na hora”, completou.

Leia também: Entregador leva sua mãe de 92 anos para trabalhar com ele para que ele possa cuidar dela

Fonte: Upsocl

Compartilhe o post com seus amigos! 😉

RECOMENDAMOS