Em dia normal de trabalho, o auxiliar de serviços gerais Jayro Pimentel, que recebe pouco mais de um salário mínimo por mês para sustentar a família, recebeu por engano um depósito no valor de R$ 95.000,00 (noventa e cinco mil reais) via pix.

Jayro mora em Gurupi, sul do Tocantins, e recebeu, ainda no trabalho, um telefonema do empresário que depositou o dinheiro. Como se pode imaginar, o empresário estava desesperado. Jairo parou o seu trabalho e o empresário informou, já com voz embargada, que havia acabado de fazer a transferência.

“Eu falei: ‘Pode ficar tranquilo, tome uma água, acalme os nervos porque vou olhar tudo certinho e se esse dinheiro realmente tiver caído na minha conta, agorinha ele retorna para a sua conta de volta’“, disse ele.

O empresário que fez o pix errado é Cleber Cardoso, morador de Palmas e dono de uma loja de veículos. Ele relatou que errou apenas um número da chave pix quando foi transferir o dinheiro.

Com o dinheiro na conta novamente, Cleber ficou feliz pela atitude do morador de Gurupi e quer conhecê-lo pessoalmente. Além da gratidão, o empresário insistiu em gratificar o Jayro.

Como tamanha e pronta honestidade é rara nos dias de hoje, a atitude de Jayro viralizou nas redes.

Leia também: Gesto de Tom Cruise à Duquesa de Cambridge ilumina o cavalheirismo
Questionado sobre a sua atitude, Jayro disse de sua honestidade: “Eu sou de família muito honesta, fui criado por pessoas honestas e o que eu aprendi foi isso, ser honesto. Acho que foi a minha obrigação devolver essa quantia para ele”.

Fonte: TV Tocantins e g1

RECOMENDAMOS






Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!