Silvio Santos, marco da televisão brasileira e já há quase 70 anos no ar, completará 90 anos no próximo 12 de dezembro.

Em razão da pandemia do coronavírus, sendo ele do grupo de risco, encontra-se afastado dos estúdios do SBT para preservar sua saúde.

O apresentador foi notícia nos últimos dias por ter escrito uma carta que serviria como prefácio do livro que conta quando o apresentador se candidatou a presidência da República.

Na carta, Silvio fala da perda de memória e de como tem se esquecido das coisas: “como vários de meus órgãos, incluindo o óbvio, que não está funcionando há muito tempo, minha memória também a cada dia que passa vai se apagando vagarosamente”.

Ao questionar-se sobre como teria sido o seu futuro caso tivesse de fato se candidatado à Presidência e sido eleito, o apresentador afirma:

“Hoje, com 90 anos, me pergunto se teria sido bom para mim, para a minha família, para a minha televisão e para as pessoas que gostam de mim ter colocado a faixa verde e amarela que estampa a capa deste excelente livro”, disse, referindo-se à imagem em que aparece com o acessório presidencial. “Sei, porém, que teria sido bom para a causa. E isso me basta. O desafio, então, estava aceito em qualquer circunstância.”

Pelo apresentador, ele já teria voltado a apresentar os seus programas na TV, contudo tem prevalecido a decisão familiar: ele ficará em casa até a chegada da vacina contra a covid-19.

Fontes: R7 e O Tempo

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!