Via El Comercio
Uma mulher de 35 anos foi abandonada na rua por sua família após apresentar sintomas característicos do novo coronavírus. O caso aconteceu no último sábado, na Bolívia, e foi noticiado por jornais locais. A história gerou comoção na rede e indignação de moradores da cidade de Montero.

O jornal El Comercio não divulgou o nome da mulher, mas publicou uma foto em que ela está na calçada, coberta por um lençol e com máscara.

De acordo com o jornal, ela foi levada para a calçada pelo marido por pressão dos vizinhos, depois que ela apresentou os sintomas comuns para a covid-19, para evitar um possível contágio.

A mulher foi atendida na rua por um médico que soube da situação e foi até lá atendê-la. Ela respirava com dificuldades e contou que sentia dores no corpo e que na sexta-feira à noite teve um pouco de febre.

O responsável pelo sistema de saúde da região em que a mulher foi encontrada,Juan Saavedra, estuda a possibilidade de processar criminalmente a família:

“Uma ação criminal contra a família não é descartada por tê-la retirado dessa maneira e por não ter fornecido a ajuda necessária. O fato de ter recursos limitados não justifica a atitude de levá-la para a rua”, disse o chefe médico.

A senhora saiu 50 minutos depois de ser tratada; o Covid-19 está descartado.Tratava-se apenas de uma crise de amigdalite.

Com informações do R7 e também do Catraca

COMPARTILHAR

COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!