Com informações de UOL

Encontrar alguém “para a vida toda” é algo que tem, é claro, seus aspectos positivos, mas talvez o estresse e cansaço proporcionado por relacionamentos assim tornem o “a vida toda”, ao contrário do que se imagina, mais breve do que se gostaria. É nisso que parece acreditar a nova-iorquina Louise, de 107 anos.

Louise Signore, de 107 anos, está entre as mulheres mais velhas do mundo. E, para além do feito de ter chegado aos 107, Luise ostenta uma saúde invejável: anda perfeitamente sem o auxilio de bengala, muito menos cadeira de rodas, praticamente não toma remédios e tem uma vida autônoma, mora sozinha e realiza por conta própria uma série de tarefas domésticas.

Dançar, fazer exercícios, sair com amigas para jogar bingo e se alimentar bem estão entre os afazeres rotineiros de Louise, mas nada disso, em sua opinião, explica sua longevidade. “Acredito que esse é o meu segredo. Minha irmã [que morreu aos 102] sempre disse ‘Queria nunca ter me casado'”, explicou em entrevista ao canal de TV CBS.

Nunca ter se casado não fez dela uma pessoa solitária, garante. Talvez, aliás, tivesse tido, ao contrário, uma vida solitária caso tivesse se casado, como muitas vezes acontece. Tendo ou não qualquer fundamentação científica, a hipótese levantada por Louise para explicar sua longevidade, é certo que ao menos de uma boa dose de descontentamentos a decisão de não se casar a protegeu.

https://twitter.com/CBSNewYork/status/1156626682608009216/photo/1?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1156626682608009216&ref_url=https%3A%2F%2Fwww.noticiasaominuto.com%2Fmundo%2F1300169%2Flouise-completou-107-anos-e-revelou-o-segredo-nunca-me-casei

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!