Há cerca de três anos, a francesa Anne Nignon recebeu o triste diagnóstico de um câncer no pulmão, para o qual ela teve que iniciar o tratamento o mais rápido possível para ter uma melhor chance de sobrevivência.

Este diagnóstico teve um impacto em toda a família, como disse o marido de Anne, Pierre Yves: “foi a notícia mais difícil de aceitar e digerir. Mas tínhamos decidido não esconder nada das crianças e contar-lhes a verdade”.

Posteriormente, a família tornou-se mais unida do que nunca e à medida que Anne progredia em seu tratamento e observava sua saúde se deteriorar, sua filha Romane de 12 anos aprendeu que muitas pessoas que fazem tratamentos de câncer perdem os cabelos durante a quimioterapia.

Embora ela não pudesse fazer qualquer coisa para curar a mãe, a menina achou que poderia ajudar as pessoas que também estão passando por essa situação e decidiu doar seus cabelos.

Leia também: Mulher contrata homem que clamava por emprego em semáforo de Maringá (PR)

No entanto, Pierre disse à imprensa que sua filha não contou a eles sobre sua ideia. Um dia, Romane foi a um salão de beleza próximo e perguntou como era o processo de doação de cabelo. “As pessoas doentes perdem os cabelos e não conseguem evitar. Posso cortá-lo e ele volta a crescer! Acho ótimo ajudar as pessoas”, explicou a menina.

Depois que a menina contou aos pais sobre doar seu cabelo, eles ficaram comovidos com seu coração nobre e Pierre comentou que não ficou surpreso com seu gesto, já que Romane “sempre foi muito generosa” .

Desta forma, a menina realizou seu desejo e doou 30 centímetros de seus longos cabelos loiros que foram encaminhados para a associação Solidhair, que coleta cabelos de vários doadores e posteriormente os encaminha a cabeleireiros profissionais para confecção de perucas especiais para pessoas com câncer ou alopecia.

Infelizmente, depois de algum tempo após o tratamento médico, Anne não resistiu e perdeu a batalha contra o câncer. Embora tenha sido um duro golpe para toda a família, Pierre continua com seus filhos e também se sente muito feliz e orgulhoso por Romane continuar a doar cabelo em homenagem à memória de sua mãe e também para ajudar quem sofre de câncer.

Leia também: Menino com síndrome de Down cria negócio bem-sucedido que vende biscoitos para cães

Fonte: Upsocl

Compartilhe o post com seus amigos! 😉

RECOMENDAMOS