Os atores Mauricio Ochmann e Aislinn Derbez fizeram uma bonita surpresa aos seus fãs ao aparecerem lado a lado na comemoração do aniversário da filha Kailanni.

Por meio de publicações em suas redes sociais, pudemos perceber o bom relacionamento que eles ainda mantêm e como conseguem deixar qualquer diferença de lado para ver a filha feliz.

O casal se separou no início de 2020, sendo a guarda da pequena Kailani compartilhada por ambos os pais.

Bem sabemos o quanto um divórcio pode ser doloroso para todos os envolvidos. Contudo, quando a conversação permanece viável, é possível criar um bom ambiente para o crescimento infantil. Nesse sentido, as dores da separação podem ser menos traumáticas à criança que conviver em um ambiente tóxico, quando a relação dos pais e marcada por hostilidades e discórdias constantes e até violência.

Quando o casal tem filho, a convivência e conexão entres eles será mantida por muito tempo após o término do relacionamento, e é por isso que em ambos deve haver maturidade suficiente para ter um relacionamento cordial. Isso, é claro, não significa que eles sejam amigos ou que precisem sair, mas sim que são capazes de se comunicar com clareza e deixar seus interesses de lado.

Os divórcios são difíceis para todos, mas uma separação saudável certamente pode beneficiar as crianças.

Desde o início, Aislinn e Mauricio foram claros sobre a questão da separação, enfatizando que trabalhariam individualmente para fortalecer uma relação de amizade.

«Tomar a decisão de modificar a dinâmica das profundezas exige muita coragem, especialmente quando há um amor tão imenso entre nós. O mais comum é esticar a corda até quebrar. E quando isso acontece, as coisas quebram e se tornam irreparáveis. Nunca nos permitiremos chegar lá. É por isso que decidimos por algum tempo fortalecer a relação de amizade e interromper o relacionamento de casal. Retomar a individualidade para investigar o que está acontecendo, dar espaço para curar, reconstruir, transformar E nessa reconstrução estamos abertos ao que pode acontecer» , escreveram em uma fotografia publicada em março de 2020.

Desde então, todos se concentraram em reconstruir suas vidas e agora tanto Aislinn quanto Mauricio têm seus parceiros. Claro, eles nunca abandonaram Kailani e sempre tentam aproveitar todo o tempo que têm para estar com ela, juntos ou separados.

As crianças cujos pais têm uma separação amigável são mais propensas a se tornarem resilientes e adaptáveis.

Se os pais conseguirem ter um relacionamento diplomático e evitar conflitos com os filhos, estarão ensinando-os a lidar com as mudanças na vida.

Eles também desenvolvem um maior senso de empatia em relação aos outros.

Ver que há respeito e tolerância entre os pais faz com que as crianças compreendam melhor os problemas dos outros.

Eles também podem aprender a ser mais prestativos, atenciosos e tolerantes por causa de sua experiência. O fato de terem passado pela separação dos pais pode lhes proporcionar maiores benefícios do que se tivessem continuado em um ambiente onde não há harmonia.

As crianças também podem desenvolver melhores habilidades de comunicação.

Um relatório do National Institutes of Health afirma que filhos de pais divorciados “podem ser mais abertos à comunicação”, desde que se deem bem uns com os outros.

Bem sabemos que os desafios são inúmeros, mas a inclinação ao diálogo e à comunicação não violenta devem sempre ser uma busca incessante. Para o bem de todos e, em especial, dos pequeninos.

RECOMENDAMOS






Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!