A tragédia do voo SJ 182, da Sriwijaya Air, que caiu no mar logo após decolar de Jacarta, na Indonésia, deixou o mundo inteiro de luto. Naquele voo embarcaram  62 passageiros. Muitos deles certamente se despediram de seus amores sem sequer suspeitar de que aquela seria a última despedida.

Uma das passageiras era Ratih Windania. A mulher, que estava acompanhada dos dois filhos, publicou uma fotografia nas redes sociais com a seguinte legenda:  “Adeus família. Estamos a ir para casa agora”. Na imagem, a mãe estava lado a lado com os seus dois filhos.

O irmão de mulher de Ratih Windania, Irfansyah Riyanto, publicou a mesma imagem após o desastre e pediu: “Rezem por nós. Estamos sem forças e só queremos informações”.

Riyanto contou que a irmã e os dois sobrinhos tinham passagens para o voo anterior, mas que, por razões que não sabe explicar, embarcaram no voo que caiu.

“Fui eu que os levei ao aeroporto, que os ajudei a fazer o check-in e lhes carreguei a bagagem. Não consigo acreditar que isto aconteceu, foi tudo tão depressa”, relatou em lágrimas.

As autoridades da Indonésia ainda estão em busca de destroços da aeronave e dos corpos dos passageiros. Neste momento, autoridades pedem que familiares das vítimas ajudem com amostras de sangue e registros dentários para ajudar na identificação dos mortos.

Fonte: RicMais
Foto capa: (Reprodução/Rede Social)

RECOMENDAMOS






Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!