Conforme publicação do site Fãs da Psicanálise  , Leilaine Rafael da Silva é merecedora de todos os aplausos e louvores.

Uma cena é inesquecível. Sem para pensar duas vezes, Leilaine da Silva, idade 29 anos, que estava em uma moto ao lado do caminhão que se chocou contra o helicóptero fez tudo o que estava ao seu alcance para prestar socorro aos vitimados no acidente em que morreu o jornalista Ricardo Boechat.

Enquanto muitos se oculparam de filmagens e fotos, ela despertou para o essencial: a posibilidade de salvar uma vida. Conforme afirma o mencionado site, ela tentou inclusive “salvar o jornalista Boechat que estava em meio ao fogo, mas não deixaram, ela então partiu para salvar o motorista do caminhão que estava preso na cabine do caminhão após o acidente”.

Leilane não mediu esforços para resgatar o motorista do caminhão, ela foi atitude enquanto os demais foram platéia.
Leia algumas falas da Leilane:

“Uma pessoa pulou do helicóptero … o piloto ficou dentro … a pessoa que caiu na pista era o que tinha pulado … ele pulou, caiu no chão e o helicóptero caiu em cima dele”, disse a vendedora em depoimento à polícia. O piloto Ronaldo Quattrucci também morreu na queda.

“ … eu queria salvar ele” completou a vendedora, que ajudou a tirar o motorista de dentro do caminhão que foi atingido pela queda da aeronave.

“Boechat estava debaixo de vários pedaços de ferros … ele acenava com a mão pedindo socorro e eu ia pegar na mão dele mas o funcionário de laranja (da AutoBAn) não deixou eu segurá-lo porque senão ele iria me puxar para o fogo …”

Façamos cada qual a sua parte para auxiliar e socorrer. Afinal, são vidas humanas e valem infinitamente mais que o registro de suas desgraças.

Parabéns, Leilaine! Você é uma mulher de força e atitude.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!