A Universidade de Edimburgo receberá de Jk Rowling o valor de 15,3 milhões (equivalente a cerca de R$ 76 milhões) para criar novos centros de pesquisa que visam descobrir uma cura para a doença autoimune que afeta o cérebro, nervos ópticos e o sistema nervoso central.

Os primeiros milhões de reais serão destinados à expansão da Clínica de Neurologia Regenerativa Anne Rowling, criada após uma doação anterior da escritora em 2010. A entidade recebeu o nome da mãe de JK Rowling, que morreu de esclerose múltipla (EM) aos 45 anos, em 1990.


“Quando a Clínica Anne Rowling foi fundada, nenhum de nós poderia prever o incrível progresso que seria feito no campo da Neurologia Regenerativa, sob a liderança da clínica. Estou muito satisfeita por apoiar a Clínica de Neurologia Regenerativa Anne Rowling em uma nova fase de descoberta e conquista, conforme ela realiza sua ambição de criar um legado de melhores resultados para gerações de pessoas com doenças neurodegenerativas”, disse JK.

A escritora e roteirista britânica J. K. Rowling, 54 anos, consagrada pela série de livros Harry Potter (1998-2007), se tornou uma bilionária ainda jovem, quando a saga do bruxinho.

Conhecida pelo estilo de vida simples e pacato, Rowling logo se embrenhou na causa filantrópica, se tornando grande financiadora de dezenas de projetos e instituições de caridade.

Fonte: Razões para Acreditar

COMPARTILHAR

COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!