Infelizmente, a novela da vacina tem um novo e triste capítulo. O Instituto Butantan, que anteriormente havia marcado de remeter os resultados dos testes da vacina CoronaVac no Brasil à Anvisa na próxima terça-feira (15), anunciou que o fará tão somente no dia 23 de dezembro.

Este atraso poderá ensejar a demora na entrega do imunizante aos brasileiros.

No dia 23 de novembro, o secretário de saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn, confirmou que o Instituto Butantan havia entrado na fase final do desenvolvimento da vacina CoronaVac após atingir o número mínimo esperado de infectados pela covid-19 na fase 3 do estudo clínico. São esses os resultados que precisam ser entregues à Anvisa.

O Estadão apurou que a decisão foi tomada após os pesquisadores perceberem que o total de infectados no grupo de participantes havia crescido e ultrapassado a marca de 151 contaminações, suficiente para a análise final de eficácia. Anteriormente, a análise seria feita com dados de pouco mais de 70 contaminados.

Mais detalhes sobre os possíveis impactos do adiamento da entrega dos resultados da CoronaVac devem ser esclarecidos na coletiva de imprensa que ocorrerá ainda nesta segunda-feira (14), no Palácio dos Bandeirantes.
Imagem de PublicDomainPictures por Pixabay

RECOMENDAMOS






Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!