O amor não tem idade: um casal de idosos de 98 e 102 anos celebrou o casamento em um asilo de Campinas, no interior paulista, após se conhecerem por lá.

Dona Branca e Seu Marcelino oficializaram o matrimônio após o centenário do engenheiro aposentado, em uma celebração que contou com a presença de amigos e familiares. “Amor puro”, resumiu a filha do noivo.

Eles engataram um relacionamento em 2018, quando Marcelino passou uma temporada na casa de repouso onde Branca vive e, ao conhecê-la, quis ficar.

O namoro mesmo veio no ano seguinte, após alguns meses de convívio.

Para Dona Branca, que é estilista aposentada, não faltam razões para se apaixonar pelo noivo.

Ela, que é romântica por natureza, gosta de decorar seu quarto na casa de repouso com pelúcias e bonecas de pano. “[Gosto de] tudo! Tudo! […] Ele é um amor, ele é um doce”, disse.

Já Marcelino, que nasceu em Portugal, conta que ganhou o título de cidadão campineiro pelos trabalhos prestados na engenharia. Ele completou 100 anos em 2020 (época em que ocorreu o casamento) ao lado da noiva.

Para o aposentado, celebrar um século de vida fez com que ele e a amada decidissem dar o próximo passo na relação.

Bastante Lúcido, Marcelino relata que, graças ao novo relacionamento, se sente mais jovem – “como se estivesse com 40 anos.”

Essa sensação gostosa de juventude também mudou o dia a dia de Dona Branca. “[Me sinto] novinha novinha, gostosa, bem chuchuzinha, sabe?”, conta ele, aos risos.

Leia também: Celso Portiolli é internado com câncer na bexiga: “Pela primeira vez, eu não estarei no palco do Teleton”

Quem acompanha a trajetória dos pombinhos desde 2018 é a cuidadora Monize Faria Cecílio. Ela conta que “sempre houve uma relação de amizade muito forte” entre o casal.

Nos anos seguintes, os idosos passaram a ficar cada vez mais próximos.

“Ela sai do quarto dela […] ela passa no quarto dele e vai conversar com ele, vai dar bom dia, e dá beijinho, sabe? Todo aquele cuidado. Se ele está descoberto, ela vai e cobre ele, ajeita o travesseiro dele. Sempre cuidando dele”, contou Monize.

O casamento de Branca e Marcelino foi consumado em fevereiro de 2020. Na época, a casa de repouso se transformou por um dia em um salão de festas decorado especialmente para eles.

Além disso, a presença das filhas emocionou os convidados.

“Todo esse amor envolvido, o amor desinteressado, um amor puro né. E é muito carinho. Tudo isso acho que é muito emocionante, é muito verdadeiro, é muito puro”, disse Marilinda Ribeiro dos Santos, filha de Marcelino.

Leia também: Abandonada por ter albinismo, chinesa de 16 anos vira modelo e brilha na Vogue Itália; veja as fotos

Fonte: Upsocl

Compartilhe com seus amigos 😉

RECOMENDAMOS