Um youtuber criou a polêmica, dizendo que é um absurdo que as pessoas não vejam mal que a personagem de Anne Hathaway teve que se rebaixar para “ser feliz”.

Com o passar do tempo, desde o presente, as obras do passado são sempre criticadas, o que é claro, foram para o momento em que foram criadas. Embora agora possamos ver de outra perspectiva, é impossível negar a aceitação que poderia ter naquele momento.

Um filme que não pôde ser salvo disso foi “O diabo veste prada”, estrelado por uma jovem Anne Hathaway e a aclamada Meryl Streep.

E é que 15 anos depois de sua estreia, a youtuber Carol Moreira garantiu que se tratava de um filme gordofóbico, que ensinava as pessoas a não aceitarem os seus corpos. Entre seus argumentos estava que mulheres de tamanho 40 eram chamadas de gordas e que o personagem de Hathaway não encontrou a felicidade até os 38 anos.

Além disso, disse que esse personagem normalizou as agressões sofridas por seu chefe, namorado e colegas, o que seria resolvido com “brigar mais”.

Claro, isso criou muita polêmica e críticas contra o youtuber de pessoas que deixaram claro que o título tinha a palavra “diabo” para alguma coisa. Mostrar que era uma coisa ruim, uma revisão do que naquela época se acreditava ser a perfeição e que poderia estar errado.

Outras pessoas disseram que era o cinema de Hollywood, feito a partir de outra cultura e costumes, nada que representasse mais o mundo do que quem comprou os direitos de transmissão do filme.

A verdade é que a youtuber Carol Moreira afirma que não é errado mostrar o que acontece no mundo da moda, o que parece errado é normalizar e mostrar como “algo grande”. Movimentos como corpo positivo , eles pensam o mesmo, mas até agora ninguém se atreveu a criticar este filme.

Anne Hathaway é sem dúvida uma atriz muito querida, já que veio da Disney até os dias atuais e que tem sido segundo seus fãs um de seus melhores trabalhos, então criticá-la é algo delicado. Meryl Streep, sem falar que sua carreira é mais longa e ela é conhecida por ser muito inteligente na hora de escolher seus papéis.

Não há dúvida de que agora falar em peso, gordura ou altura é algo delicado, mas criticar este filme pode ser muito ousado, pelo menos é assim que os seguidores deste youtuber o consideram.

Queremos saber a sua opinião sobre o filme e sobre a polêmica! Diz pra gente o que vocês acham!

Fonte: UPSCOL

RECOMENDAMOS






Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!