Subitamente, o número de celular do empresário Carlos Henrique Faria começou a receber incontáveis mensagens e ligações, todos os dias.

Foram dias sem entender o que estava acontecendo até a fichar cair: o número dele, que tem DDD de Goiás, é citado na música “Bloqueado”, novo hit do sertanejo Gusttavo Lima.

Carlos, que é de Ribeirão Preto (SP), então teve a ideia de aproveitar a explosão de contatos para promover uma boa ação.

Na letra de Gusttavo Lima, o cantor narra a história de um homem apaixonado que tenta contato com um amor antigo, mas se lembra que o número foi bloqueado pela amada.

Acontece que o número de telefone citado no refrão coincide com o de Carlos Henrique.

O empresário, que também é artista plástico, contou ao portal G1 que atua em diversos projetos sociais e solidários.

Aproveitando a fama inesperada, ele passou a enviar aos fãs do cantor que entram em contato o endereço dele no Instagram. Lá, ele apresenta uma uma corrente de doações para vítimas de enchentes, para o Hospital do Amor de Barretos (SP) e outras instituições.

“Atendi muitas [ligações] e eu peço para irem para o meu Instagram. Então, esse número agora é destinado a projetos sociais. […] Estou destinando esse resultado positivo para ações beneficentes. Eu já tenho um monte de doação. Comida, água, roupa, cama, fogão. Tem um que está doando carreta, com diesel e motorista para levar as doações”, afirmou.

O empresário contou que os contatos com o número dele não param. “Ele [celular] dormindo, carregando, não dá conta de carregar, porque gasta bateria. Ele vibra, tem ligações de WhatsApp. E isso gasta. O meu é DDD de Goiânia, mas talvez tenha outro lugar com outro DDD, mas o número é o mesmo”, disse.

Faria deixou claro também que não tem a intenção de processar Gusttavo Lima e que até fez um documento no cartório autorizando o uso do número.

“Eu espero falar com ele [Gusttavo Lima]. Até porque eu quero entregar um papel oficial, do cartório, autorizando a usar o número. Não que precise, mas para se defender de outra pessoa que está falando. Não tenho nada contra, só tenho a agradecer, porque ele proporcionou para gente um instrumento para turbinar projetos sociais que a gente já tinha”, disse.

A história chegou recentemente ao conhecimento de alguns profissionais do escritório e deve ser repassada ao cantor tão breve possível. Importante ressaltarmos que ‘Bloqueado’ não é uma composição do Gusttavo Lima. Desta forma, apenas os compositores podem lhe dizer com propriedade de que forma escolheram o número citado na letra”, disse a nota de assessoria do cantor.

Confira o trecho da música que cita o número de telefone de Carlos Henrique:

“9912-5003
Olha eu recaindo outra vez
Lembrei que ‘tô’ bloqueado
É muita raiva misturada com tristeza
Olha eu chorando e dando porrada na mesa
Derrama, derrama cerveja”

“Muita gente liga. Os fãs pedem para desbloquear. Porque a música fala que ele está bloqueado e esqueceu. Muita gente avisando que o número está na música. Mas é interessante ver o carinho que o ser humano tem por ele. Perguntam se tenho o número dele para passar, pedem áudio”, disse o empresário, acrescentando que chegou a receber mensagens de outros países.

Fonte: Oeste+

RECOMENDAMOS