“Onde quer que estejamos, aonde quer que vamos: Ele nunca vai nos deixar”, disse, emocionado, um policial de Sunambe, província peruana de Chincha, antes de começar os trabalhos durante o estado de emergência provocado pelo coronavírus.

A imagem gerou grande impacto no Peru, não só pelos gestos e expressões dos policiais, mas também pela situação atual (de grande risco de contágio para quem está trabalhando nas ruas e em contato com o público).

Entre lágrimas e orações, o efetivo agradeceu a Deus por mais um dia de vida e, de joelhos, suplicou a proteção do Altíssimo contra o coronavírus.

“Entregamos [a Deus] nossas vidas e nossas almas para que Ele nos proteja”, expressou um dos policiais (veja no vídeo divulgado pelo canal Noticias Telemundo).

E essa não foi a única imagem de oração relacionada aos policiais. Nos últimos dias, também foi divulgado um vídeo em que um chefe da polícia pede a Deus a proteção de seu pessoal, elevando súplicas em meio a lágrimas e dor pela perda por seus colegas mortos durante a pandemia.

Diz o policial: “Ó, Pai todo poderoso, te suplico, Pai santo, tem misericórdia de nós. Muitas mortes, Senhor. Somente Tu, Deus, pode parar isso. Não soltes nossas mãos, cuida de nossos oficiais e sub-oficiais”.

O coronavírus entre os policiais peruanos

Nos últimos dias, o avanço da Covid-19 no Peru teve um forte impacto entre os militares. Pelo menos 1.300 policiais testaram positivo para a doença e 20 morreram por causa do coronavírus.

Fonte: Aleteia

Venha conosco para nossas páginas no Facebook e Instragram.

A Revista Pazes apoia as medidas
de isolamento social para conter o avanço do novo coronavírus.
#FiqueEmCasa #SeSairUseMáscara

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!