Em trailer do novo filme divulgado nesta quarta-feira (17), a cantora Demi Lovato revelou que teve ataque cardíaco e sofreu três derrames ao ter overdose, no ano de 2018.

Ela conta também que esteve bem perto da morte. Os médicos disseram que ela tinha “de 5 a 10 minutos” para ser salva. A cantora diz estar em sua nona vida (expressão semelhante a ‘sétima vida’ de setes vidas no Brasil).

O documentário “Demi Lovato: Dançando com o Diabo” será lançado no YouTube no dia 23 de março.

Demi relembrou em 2017 sua terrível luta contra a dependência de drogas: “É incrível ser homenageada por minha sobriedade porque isso é algo que eu decidi fazer por mim mesma, e isso é uma coisa que eu precisava fazer por mim e estar sendo reconhecida por isso é incrível”, afirmou.

No evento da Brent Shapiro Foundation for Drug Prevention, ela ainda reforçou que está na luta para se manter saudável: “Às vezes eu olho para trás e simplesmente agradeço por estar viva. Sou muito agradecida por essa equipe que entrou na minha vida”, afirmou.

“Eu sou capaz de olhar para o que eu tenho feito, sentar e pensar: ‘Uau, sou tão feliz por ter estado sóbria e ser capaz de ajudar pessoas'”.

Fonte indicada e adaptada: G1

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Mariana Ribeiro
É amante de sagas, sonha ser cineastra e é do tipo que chora rios inteiros lendo livros. Já coleciona 14 primaveras, escreve poemas, ama Raul e Legião.