Pistache, o cachorro verde da Sardenha , sua história se espalha pelo mundo. Porque não acontece todos os dias ver um cachorrinho numa ninhada que nasce com uma cor decididamente incomum. Como isso é possível? Ele está doente ou há outra explicação?

Esta história chega até nós de Palu ‘e Carru (Oschiri), na Sardenha. Na fazenda de Giannangelo Liperi e Cristian Mallocci nasceu um cachorro verde de uma ninhada.

Na verdade, entre os filhotes de Labrador que nasceram da mesma mãe, havia um com pelo totalmente verde . Ele se diferenciava muito dos irmãos, justamente por essa particularidade que não podia passar despercebida.

Cristian Mallocci disse :

“Quando fui ver como estava a cadela reparei que ela tinha dado à luz mas um dos cachorros tinha uma cor invulgar: era verde. Naquele momento fui até o meu colega de trabalho Giannangelo, que fazia outras tarefas na empresa e comecei: “Você já viu um cachorro alienígena?” Ele ficou maravilhado e fomos juntos ver o pequeno Labrador.

Reprodução do Instagram @pistacchio_pattada

Pistache o cão verde: não é o único no mundo
O nascimento de cães verdes pode acontecer na raça Labrador. E é tudo culpa da biliverdina, uma substância que se mistura com o líquido amniótico da mãe durante o parto. Substância que de fato atua como um corante para o pêlo do cão, que é o mais fraco da ninhada.

Veja de perto essa fofura!

Mais um vídeo do pequenino:

Capa: Reprodução do Instagram @pistacchio_pattada
Fonte: Bigodino.it

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!