Com voz embargada, Maria Bethânia se manifestou em suas redes sociais sobre a morte de Gal Costa, que faleceu nesta quarta-feira, 9, vítima de um infarto, aos 77 anos.

Com voz embargada, Maria Bethânia fala sobre morte de Gal Costa
“Em choque, triste demais, difícil demais. Eu nunca pensei um dia chegar a vocês para falar sobre a dor de perder Gal. O Brasil que ela sempre encantou com sua voz única, magistral, hoje, inteiro, chora. Como eu”, afirmou Maria Bethânia.

Maria Bethânia, que mora no Rio de Janeiro, ainda afirmou que, mesmo longe, sempre admirou Gal. “Uma amiga que, mesmo longe, sempre mantive a admiração e respeito. Que Deus a receba na sua mais pura luz. É triste demais, difícil demais. Muito duro”, completou Bethânia.


Bethânia e Gal são artistas contemporâneas, elas começaram a carreira juntas na década de 1960, em Salvador. Porém, por motivo nunca revelado ao públicos, as duas tiveram algum desentendimento. Elas chegaram a ficar mais de 10 anos sem se falar. De acordo com o jornal Extra, um produtor musical que não teve a identidade revelada contou que em 1993, “as duas já estavam afastadas. Embora tenham até dividido o palco, algumas vezes, depois disso. Após Doces Bárbaros, elas passaram a não conviver mais”.

Apesar da distância física, o carinho de uma história na música juntas prevaleceu e Bethânia prestou esta linda homenagem à Gal.

RECOMENDAMOS






Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!