A mãe do bebê é bastante musculosa e isso fez com que a barriga crescesse, mas não “estufasse para fora”, conforme afirmou a médica ao site G1.

Lana Maria Wigand e Arthur, só descobriram que seriam pais do Gabriel 19 dias antes do bebê nascer. Uma série de fatores contribuiu para que isso acontecesse. A primeira, mencionamos acima: a musculatura da mãe. Além disso, a mãe tomava anticoncepcional e permaneceu com o ciclo menstrual regular, mesmo após a gravidez (embora menos intenso).

Veja, abaixo, a foto da barriga de Lana, grávida de 8 meses, no dia em que descobriu a gravidez:

Detalhe para a barriga de Lana, grávida de 8 mess. Foto: Arquivo pessoal/Lana Maria Wigand

Conforme afirmou ginecologista e obstetra Flavia Martins Vieira Bueno ao site G1:
“Lana é muito magra e sempre fez atividade física, com isso a forte musculatura abdominal fez com que o útero crescesse mas não estufasse pra fora da barriga. O bebê cresceu pressionando os órgãos internos, o que potencializou os sintomas de gases, azia, constipação intestinal. Ela se sentia muito estufada, mas não achava que era um útero gravídico, e sim gases”, explica a médica.

Gabriel nasceu no dia 23 de abril, com 47 centímetros e três quilos. A alegria dos pais é notória nas fotos. Vida longa e muita luz ao Gabriel e aos seus pais!

Com informações do G1, onde você pode ler a matéria completa.

Na capa, foto: Arquivo pessoal/Fervarhau

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!