Um casal  de Centurion (África do Sul) tem feito grande sucesso nas redes sociais. Trata-se de Demian e Anastasia, de 106 e 102 anos, que vivenciaram uma história digna dos mais belos filmes românticos. Eles precisaram lutar para concretizarem o amor que sentiam um pelo outro após serem obrigados a se casar, cada qual, com outra pessoa.

Tudo passa. Essa é a regra da vida, permeada de impermanência. Contudo, o amor desse casal já dura mais de 100 anos. Viver tanto tempo não é uma ideia que todos gostem por medo da velhice e de ficar sozinho, mas não precisa ser assim.

Há casais que passaram muito tempo juntos, mas não tanto quanto Demian e Anastasia, amantes de 106 e 102 anos que fizeram o possível para viver o sonho que mantêm até hoje.

E como se esses anos de vida não bastassem, acontece que o amor que os une cresceu com o tempo desde o momento em que se conheceram quando eram apenas crianças.

Afrimax Español

Conforme relatado pela Afrimax English , o doce casal está junto há 100 anos , provavelmente um caso único no mundo. Eles se tornaram amigos durante a infância e, à medida que o tempo passava, sentiam amor e carinho um pelo outro em seus corações.

Eles queriam compartilhar suas vidas, mas seus pais os atrapalharam, forçando-os a se casar com outras pessoas . Claro que Demian e Anastasia não queriam aceitar essa decisão, mas eles tentaram conseguir se reencontrar e ficar juntos como queriam.

Afrimax Español

Quando se viram novamente, não hesitaram em se casar e realizar seu sonho romântico de estarem juntos. Embora a velhice seja inevitável, pois é algo natural, o amor deles não se esgotou nem um pouco.

Como você pode ver no vídeo em inglês da Afrimax , ambos cuidam um do outro alimentando, apoiando um ao outro e dando amor um ao outro com aqueles detalhes que dizem muito . O amor deles permanece tão fresco quanto o primeiro momento em que sentiram algo especial um pelo outro.

Conheça-os abaixo.

Um caso verdadeiramente admirável que mostra que o amor verdadeiro não é algo exclusivo de filmes e histórias. Se houver afeto mútuo, tudo é possível.

Fonte: UPSOCL

RECOMENDAMOS






Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!