Na última quinta-feira, Maria Valentina, bebê ansiosamente aguardada por Ludimila Pereira e Francisco Manuares, aproveitou a ultrassonografia 3D realizada pela mãe para enviar aos pais um presente extremamente fofo: um coraçãozinho feito com as mãos, em um delicado gesto de afeto.

Ludimila está no sétimo mês de gravidez e foi escolhida pelo médico Weliton Ferreira pra fazer a ultrassom 3D. “Essa é uma ultrassom em 3D, que um médico me presenteou. Ele que tirou a foto pelo celular, percebeu e tirou. Como tinha ganhado, ele não imprimiu, ficou só laudo. Foi muito rápido porque ela estava se mexendo muito”, contou Ludimila, conforme relata o site de notícias G1.

Segundo a mãe, o médico explicou que o gesto da filha foi, na realidade, uma reação dela à luz do aparelho utilizado no ultrassom. No reflexo à luz, Maria levou as mãozinhas ao rosto e, por coincidência, formou-se um coraçãozinho. Mas essa é, com certeza, uma maneira menos bonita de interpretar o fato.

Ludimila contou ainda ao G1 que ter engravidado de Maria Valentina foi, para eles, um milagre. Segundo ela, aos 14 anos foi diagnosticada com endometriose e as chances de conseguir engravidar eram extremamente baixas, cerca de 2%. Entretanto jamais perderam a fé, e Maria Valentina foi o resultado dessa perseverança.

“Me casei em 2016 e passei três anos para poder engravidar. Nesse meio tempo, como somos evangélicos, colocamos diante de Deus e quando foi dia 30 de novembro descobrimos que estávamos grávidos”, contou Ludimila. Talvez o coraçãozinho, à revelia do que pretende o médico com a sua explicação do gesto, tenha sido, na realidade, a confirmação do milagre que ela representa para o casal.

Com informações de G1

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!