E assim, numa praça deserta de Sant’Oronzo, uma dançarina com um maravilhoso vestido preto alcançou o mosaico da famosa Lupa di Lecce, símbolo da cidade, no ritmo de Pizzica, e ali se entregou a uma dança libertária.

O vídeo, compartilhado no Facebook por Sara di Mastrogiovanni, recebeu quase 100 mil visualizações e percorreu a web se tornando um símbolo de “resistência” em Salento, como apontou a mesma garota que publicou o vídeo.

Pizzica, para o povo de Lecce, é algo mais que uma simples dança: é um ritual arcaico repleto de simbolismo. É também uma maneira, a maneira mais pura e direta, de curar uma dor (metaforicamente a mordida da tarântula) através da dança e da diversão.

Abaixo, confira registros dessa encantadora apresentação:

Com informações do GreenMe

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!