Por Yago Sales

A família do fotógrafo paulistano Edu Leporo vivenciou um verdadeiro milagre há cerca de 3 meses. Bento, um dos filhos gêmeos do casal – que na época tinham apenas 9 meses de vida- contraiu uma pneumonia bacteriana que chegou a paralisar um dos pulmões, ficando internado por mais de 2 meses na UTI de um hospital de Guarulhos, na grande São Paulo.

Contrariando todas as predições médicas, Bento – que sofreu duas paradas cardíacas e passou 12 dias em coma induzido- sobreviveu ao grave quadro e hoje está totalmente recuperado, ao lado do irmãozinho, Benjamin, e dos pais. “O prognóstico era muito ruim, mas nunca deixamos de acreditar na recuperação do nosso filho. Alguns momentos foram de fato desesperadores, é uma situação que apenas os pais que passam por isso, ter um filho na UTI, sabem como é”, diz Leporo.


O pai de Bento conta que ele e a esposa chegavam a passar 12 horas ou mais no hospital, e a situação de impotência diante da situação era muito grande. Segundo o fotógrafo, havia dias em que sentia apenas vontade de chorar e ficar no local para se sentir próximo do filho. “Não havia nada que pudesse nos trazer um pouco de conforto, aliviar ao menos em partes toda a dor e o sofrimento”, relembra Leporo.

Uma forma que o fotógrafo encontrou para extravasar e encarar a situação, mesmo que muito difícil, de forma um pouco mais leve e positiva, foi passar a narrar o progresso do filho em suas redes sociais – sempre de forma leve, e sem nunca perder a esperança de cura. Aos poucos, Bento foi evoluindo e, no final de julho, teve alta e voltou para casa.

Vaquinha para livro

Lembrando de como as redes sociais foram importantes no processo, o casal teve a ideia de escrever um livro infantil ilustrado contando a história de Bento. Para lançar o livro – que custará R$ 45.200- Edu agora promove uma vaquinha online. A publicação se chamará “A Odisseia do Pequeno Bento” e os 1000 exemplares que serão produzidos serão distribuídos gratuitamente para os chamados “pais de UTI”.


Até o momento, a vaquinha arrecadou R$ 1.350 e a meta do casal é levantar os R$ 41.150 que faltam até o dia 18 de setembro.

Patrocinadores que desejem dar uma ajuda maior para a realização do projeto, com valores a partir de R$3.000, terão seu nome e logomarca na contracapa do livro.

Para apoiar o projeto e colaborar com a vaquinha, basta acessar o link: www.catarse.me/livro_a_odisseia_do_pequeno_bento_b1dc?

“Nosso objetivo é prestar apoio e solidariedade aos pais que passam pela mesma situação pela qual passamos. Nessas horas, fica-se tão fragilizado que uma simples palavra de apoio já faz toda a diferença. Por isso, o livro pode prestar um grande serviço a essas famílias. Queremos levar amor aos papais e mamães que passam por grandes dificuldades com seus bebês no dia a dia na UTI”, conclui Leporo.

Texto do jornalista Yago Sales 

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!