Musk diz que “algo extremamente suspeito” está acontecendo, e que os testes são idênticos, foram feitos na mesma máquina e pela mesma enfermeira. Segundo a FDA (órgão que controla medicamentos e alimentos nos EUA) os testes de antígeno, como os usados pelo executivo, são “altamente precisos, mas há uma chance maior de falsos negativos”.

O CEO da Tesla e da SpaceX, Elon Musk, questionou a precisão dos testes à Covid-19 depois de testar duplamente positivo e duplamente negativo no mesmo dia.

“Dois testes chegaram negativo, dois chegaram positivo. A mesma máquina, o mesmo teste e a mesma enfermeira”, escreveu Elon Musk na rede social, numa publicação que já soma mais de 54 mil partilhas.

Quando questionado por um seguidor sobre se o resultado ambíguo não seria uma explicação para o aumento no número de casos nos EUA, Musk respondeu: “se está acontecendo comigo, está acontecendo com outros”.

O país vive um surto de Covid-19 após o verão, com uma média de 127 mil novos casos por dia na última semana. Quase três vezes e meia o número de 12 de setembro, quando foram detectados 34.198 casos.

A postam do bilionário já teve mais de 160 mil compartilhamentos.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!