Via Aleteia

Nesta quinta-feira, 25, ao receber no Vaticano os jovens da diocese francesa de Aire et Dax, o Papa Francisco lhes deu os seguintes conselhos:

“Encorajo vocês a permanecerem unidos a nosso Senhor Jesus Cristo através da escuta da Palavra, da prática sacramental, da vida fraterna e do serviço aos outros”.

“Muitas pessoas acham que hoje é mais difícil poder chamar-se de cristãos e viver a fé em Cristo. E vocês com certeza experimentam estas dificuldades, que, às vezes, se tornam provações (…) O contexto atual não é fácil, por causa também da questão dolorosa e complexa dos abusos perpetrados por membros da Igreja. Mesmo assim, eu digo que hoje não é mais difícil do que em outras épocas da Igreja: é apenas diferente”.

“Redescubram que a Igreja, da qual vocês são membros, caminha há dois mil anos compartilhando as alegrias e esperanças, as tristezas e angústias dos homens. E caminha do jeito que ela é, sem recorrer a nenhuma cirurgia estética. Olhando para vocês, reconheço a obra do Senhor Jesus que não abandona a Sua Igreja, permitindo que ela, através da juventude, do seu entusiasmo e talento, se renove e rejuvenesça nas várias fases da sua longa história”.

“Deixem-se transformar e renovar pelo Espírito Santo, para levar a Cristo a todos os ambientes e testemunhar a alegria e a juventude do Evangelho! Tornem visível o amor de Deus, amando com a força dos braços e com o suor da testa!”

“Sejam construtores de pontes entre as pessoas, fazendo crescer a cultura do encontro e do diálogo, para contribuir com o advento de uma autêntica fraternidade humana. Com a atenção aos pequenos e pobres, vocês podem acender as estrelas na noite de muitas pessoas que passam por provações. Manifestem com gestos e palavras que Deus é sempre novidade e nos conduz até onde se encontra a humanidade mais ferida e onde os seres humanos continuam buscando uma resposta para o sentido da vida”.

“Estou contando com vocês! A Igreja precisa do seu ímpeto, das suas intuições, da sua fé e coragem”.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!