Fonte: Prosa, verso e arte
Que o cinema argentino se supera a cada ano não é novidade. Desde a década de 1990, filmes como O Filho da Noiva (El Hijo de la Novia) e Nove Rainhas (Nueve Reinas) alcançaram um nível extraordinário de qualidade, tanto no roteiro como visualmente. Tal feito foi já reconhecido pelo Oscar duas vezes. A Argentina levou prêmios na categoria de Melhor Filme Estrangeiro por O Segredo dos Seus Olhos, de 2009, e A História Oficial, de 1985.

Se você quer conhecer o ótimo trabalho que nossos hermanos vêm fazendo, confira a lista que preparamos com títulos argentinos imperdíveis:

Um Conto Chinês | Un Cuento Chino (2011)
Neste drama inusitado, o dono de uma loja de ferramentas de Buenos Aires oferece abrigo a um visitante chinês à procura de seu tio.

Como funcionam quase todas as coisas | Como funcionan casi todas las cosas (2015)
Após a morte do pai, Celina larga o emprego e passa a vender enciclopédia de porta em porta. Ela tem um objetivo: ir à Itália procurar a mãe que os abandonou.

O último tango | Un tango más (2015)
Misturando sequências de dança e entrevistas, este filme mostra o legado e o romance turbulento dos dançarinos de tango María Nieves Rego e Juan Carlos Copes.

Papéis ao Vento | Papeles en el viento (2012)
Depois da morte de El Mono, três amigos de longa data tentam garantir o futuro da família dele recuperando seu investimento em um time de futebol que não anda nada bem.

Um namorado para minha esposa (2008)
Sem coragem de pedir o divórcio, ele contrata um profissional para seduzir sua mulher e convencê-la a terminar a relação.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!