Se você já quis viver seu próprio conto de fadas, certamente desejará mudar-se para a vila Giethoorn. Também conhecida como “Veneza da Holanda”, o vilarejo de contornos mágicos foi fundado por volta de 1230 e é tão encantadora que nos faz, de pronto, sonhar.

A vila não possui estradas nem transporte moderno, mas apenas canais ornados por 176 pontes. Os turistas devem deixar seus carros fora da vila e viajar aqui a pé ou de barco (geralmente por “barcos sussurradores”, que possuem motores silenciosos). Então você provavelmente pode imaginar como é pacífica aqui (bem, quando não é inundada por turistas, é claro) … Até o site da vila diz que “o som mais alto que você normalmente pode ouvir é o grasnar de um pato ou o barulho feito por outros pássaros ”. É como algo saído de um livro de histórias.

A aldeia Giethoorn não tem estradas

Mas isso não significa que não há como se locomover…

O modo mais comum de transporte é por “barcos sussurros”, que possuem motores silenciosos


Portanto, a vila é muito pacífica…

Os sons mais altos que você ouvirá provavelmente são o grasnar de um pato (bem, quando não é inundado por turistas, é claro)

Também conhecida como “a Veneza da Holanda”, esta vila mágica foi fundada por volta de 1230


Seus primeiros habitantes encontraram numerosos depósitos de turfa e cavaram muitos buracos ao longo dos anos
As ilhas recém-criadas foram conectadas com mais de 176 pontes

Que dão à vila um toque aconchegante de conto de fadas…

Como não viajar para este paraíso ao menos em nossa imaginação?

Texto traduzido e adaptado do site Bored Panda

COMPARTILHAR

COMENTÁRIOS




Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!