Jesus tem uma frase que diz o seguinte: “Amai vossos inimigos, rezai pelos que vos perseguem” (Mt 5,44). No Livro dos Provérbios (25,21) podemos entender esse amor na prática: “Se teu inimigo estiver com fome, dá-lhe de comer, se estiver com sede, dá-lhe de beber”, texto assumido também pelo Apóstolo Paulo (Rm 12,20).

Numa outra passagem de Paulo, ele diz: “Pois toda a lei se cumpre com um preceito: Amarás teu próximo como a ti mesmo” (Gl 5,14). Porém, veja as contradições no mesmo Apóstolo: “Ninguém procure seu interesse, mas o do seu próximo” (1Cor 10,24); ou esse outro: “O amor fraterno seja afetuoso, estimando os outros mais que a si mesmo” (Rm 12,10).

Agora veja o que diz no Livro do Eclesiástico: “Quem dará razão àquele que prejudica a si mesmo? Quem estimará aquele que menospreza a si próprio? (10,29); “Quem é mau para si mesmo, com quem será bom? … Ninguém é pior do que maltrata a si mesmo” (14,5-6); “Em todas as tuas obras, cuida de ti mesmo: quem age assim observa o mandato. Quem guarda a Lei guarda a si mesmo” (32,23-24).

O que mais percebo nos meus clientes que atendo no consultório, bem como nas conversas durante meu dia com muitas pessoas, o pouco que amam a si mesmos. Na terapia para o emagrecimento, a primeira coisa a ser recuperada para que a pessoa volte a cuidar de si é a autoestima, o amor próprio.

Por isso que coloquei o tema acima, convidando as pessoas a transformarem “seu inimigo” no melhor amigo. Para mim, quando Jesus convidou-nos a amar os inimigos, ele está nos convidando a amar a nós mesmos, pois fazemos muito mais mal a nós mesmos que aos outros. Quantas pessoas vivem agradando os outros em prejuízo de si! Ainda dizem estar realizando os ensinamentos bíblicos. O Livro Sagrado foi escrito para cuidar da vida e Jesus mesmo disse: “Eu vim para que todos tenham vida e vida em plenitude” (Jo 10,10). A vida em plenitude só é possível quando começamos a cuidar bem de nós mesmos. Depois você vai fazer aos outros o que gostaria para si, como o próprio Jesus ensinou: “Tratai os outros assim como quereis que vos tratem” (Mt 7,12).

Uma grande amiga deu o seguinte testemunho:“Foi muito duro descobrir que eu era o meu único e principal problema da minha vida. Que tudo começa e termina em mim. Mas foi gratificante descobrir que eu também sou o meu próprio remédio, a minha solução. Me tornei minha melhor amiga. Eu sempre fiz tudo para os outros me perceber… Eu era invisível para mim mesma. O que fiz? Pedir ajuda. Humildemente me deixei guiar. Sou grata a você Josué que apresentou uma solução que estava dentro de mim e eu não percebia. Foi necessário mudar o raciocínio… mudar paradigmas. Acreditar que eu posso. Usar minha mente ao meu favor… porque a favor dos outros eu já usava.

Reprogramação mental… alinhamento corpo, mente e espírito tem sido minha solução. Acreditem! É possível. Tudo na minha vida mudou. O Poder da mente é fantástico, tudo o que projetei já consegui”.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Josué Ghizoni
Parapsicólogo Clínico formado pelo IPAPPI de Curitiba; Pós-graduado em Parapsicologia pela Faculdade Vicentina (FAVI); Master em hipnose; Master em PNL (Programação Neurolinguística); Educador Financeiro; Formado em Filosofia pela PUC de Curitiba; Formado em teologia, com mestrado em Teologia Espiritual pela Gregoriana de Roma. Palestrante nas áreas de educação financeira, parapsicologia, motivação, autoestima, autoconfiança, autoconhecimento. e-mail: zezoghiz@hotmail.com face: josue.ghizoni@facebook.com página: www.facebook.com/ghizonireorientacaohumana Telefone e whats: (41) 9702-6725


COMENTÁRIOS