Poucas Palavras!

Não há ser humano sem luta. Cada um sofre o seu tanto para ser o que é. O sangue derramado, fruto do amor à causa a que se dedica é a prova de que a luta aconteceu. Sangue é metáfora do sacrifício.

Dizem que o Sagrado é a realidade que foi separada para ser ofertada sobre o altar preparado. Acho bonito pensar assim.

Sacralizar é o mesmo que resguardar realidades particulares e públicas, zelando para que não corram o risco da banalização que profana e esvazia o significado.

Hoje a palavra é breve, mas o significado não. Espero que dilate no coração de quem precisa ouvir: “Sou padre, sou sagrado e sou feliz por ser.” Não me penso vivendo outra realidade, nem tampouco sendo outra coisa.

Quem quiser se aproximar, que se aproxime, mas não venha para desrespeitar o Amor que me faz amar.

É só isso.
Padre Fábio de Melo

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Revista Pazes

Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!



COMENTÁRIOS