Dando seguimento ao seu apostolado de paz, o papa Francisco, em seu primeiro discurso público na cidade de Fátima, em Portugal, “implorou” nesta sexta-feira pelo fim das guerras no mundo e pediu que todos se unissem para “abater muros”:

Imploro para o mundo que haja concórdia entre todos os povos [porque] as guerras destroem o mundo no qual vivemos. Se seguirmos os exemplos de Jacinta e Francisco, percorreremos qualquer rota, andaremos muito longe como peregrinos, abateremos todos os muros e superaremos qualquer fronteira, saindo para todas as periferias e manifestando a justiça e a paz de Deus”, suplicou o papa, emocionando a multidão que o acompanhava.

A súplica do papa se deu durante a sua visita do líder católico à pequena capela da Aparição de Fátima.

Venho como um profeta e mensageiro para lavar os pés de todos na mesma mesa que nos une. E como bispo vestido de branco [disse em referência aos segredos de Fátima] lembro a todos que, vestidos com a pureza batismal, quero viver em Deus e recitarei os mistérios de Cristo para obter a paz”, disse ainda.

FONTECom informações de Notícias Band
COMPARTILHAR
Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!

COMENTÁRIOS