Nosso encontro com Fernando Pessoa

FERNANDO ANTÔNIO NOGUEIRA PESSOA, faleceu em 30 de novembro de 1935 em Lisboa, mas a impressão que se tinha durante o evento ocorrido em Salvador , em sua homenagem, era que a qualquer momento ele chegaria!

Um clima lusitano envolveu os presentes: O fado tocado baixinho, as paredes exibindo banners com os locais mais apreciados e frequentados por ele,como a Praça do Rossio, a rua dos Douradores, a Praça das Figueiras o Café A Brasileira, e o restaurante Martinho da Arcada, davam um toque especial. . A decoração e o Buffet , com louças portuguesas em tons de azuis criavam uma atmosfera bem típica de Portugal. Uma luminária em forma de árvore, carregava pequenos trechos da sua obra que seriam lidos durante o evento. Marcadores de livros mostrando seu rosto tinha no verso a poesia Mar Português e foram as surpresas para os convidados! Houve sorteio de um exemplar do Livro do Dessassossego.

Neste cenário, não seria estranho que sua presença física ali estivesse, pois espiritualmente , todos a sentiam .
O ator Marcos Machado, que o interpreta há 10 anos, foi contratado para o evento e fez uma belíssima apresentação mostrando o poeta e seus principais heterônimos, em declamações perfeitas.

O evento teve caráter particular, e foi realizado pela baiana Maria da Conceição Silva Andrade, Medica , poeta e mãe de 4 filhos. Grande admiradora da obra Pessoana, e estudiosa da sua vida , tinha consigo o sonho de mostrar um pouco que fosse, da magnitude , profundidade e riqueza da obra deste que é considerado o maior poeta da língua portuguesa. Quando seu filho Pedro ofereceu-lhe uma festa de aniversário, já tinha em mente tudo idealizado e decidiu fazer um Sarau com obras do poeta português! Chamou o evento de LAVA-PÉS LITERÁRIO, e este foi seu maior presente.

No dia 23 de janeiro, as 20 hs, na cidade de Salvador, no elegante condomínio Alba Longa, a Dra. Conceicao Andrade e seus convidados, em torno de 90 pessoas, viveram com intensidade um grande momento poético.
A aniversariante conduziu o evento e convidou os presentes a prestarem sua homenagem , declamando o que sabiam de cor ou lendo os versos que estavam na árvore.

O poeta havia dito no Livro do Dessassossego: ” Penso às vezes, num deleite triste, que se um dia, num futuro a que eu já não pertença, estas frases que escrevo , durarem com louvor, terei enfim a gente que me compreenda, os meus, a família verdadeira para nela nascer e ser amado” ora, o LAVA-PÉS LITERÁRIO conseguiu de fato atender a este sentimento. Mas a maior surpresa do evento, ficou reservada para o final!

Em um telão , estrategicamente colocado em outro ambiente, foi mostrado o depoimento da sobrinha do poeta, Manuela Nogueira, filha da sua irmã Henriqueta a Teca. Fernando pessoa era muito apegado a esta irmã e na casa dela viveu seus últimos 15 anos. Tinha pela sobrinha Manuela um carinho especial. Atualmente ela está com 90 anos e mora em Lisboa. É também escritora, já publicou vários livros de poesia e ainda se ocupa de literatura.

Nos conhecemos e ficamos amigas, em Olinda-PE, EM 2015, na FLIPORTO, festa de literatura internacional – quando foi convidada para abrir o evento que teve o poeta como homenageado. No vídeo ela declama alguns versos do seu tio , e deixa todos emocionados. Foi fantástico ter tão perto de nós, ainda que em vídeo, uma pessoa da família dele, representando-o. Este evento encontra-se gravado e o filme pode ser visto na internet.

fp4
A aniversariante Conceicao Andrade

fp3

fp1
Declamação de poemas de Pessoa.
bolo fp5
Bolo em formato de livros de Fernando Pessoa.

Havia uma ou mais surpresas, um marcador de página com sua foto mostrava no verso o poema Mar Portugues.

COMPARTILHAR
Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!



COMENTÁRIOS