5 filmes que usam as emoções para falar de valores

Por Pedro Liberdade

Os filmes são fonte de inspiração inesgotável, tanto para os amantes do cinema quanto para aqueles que normalmente estão longe das telas. O filósofo José Ortega y Gasset dizia “Me diga em que você presta atenção e lhe direi quem você é”. Assim, aqueles valores que vemos, que cheiramos, que sentimos e aplicamos não deixam de falar muito de nós.

Uma pessoa que curte filmes que apelam aos valores mais nobres reconhecerá, mesmo que não seja por experiência própria e sim através dos personagens, as emoções que afloram quando defendemos tais valores.

Por outro lado, existe uma espécie de reconciliação quando sentimos uma parte de nós nas telonas. Quando sentimos que a ficção também tem muito de real e existem pessoas que, fora dos roteiros e das câmeras, devem ser chamadas de heróis.

Uma vez que os valores nobres tiverem sido definidos, é evidente que existe um bom número de filmes que apelam a esta forma de ver o mundo. É um cinema que se baseia em alguns princípios de realização pessoal através da entrega ao ser amado.

“Billy Elliot”

Billy Elliot

Começamos o nosso guia de filmes que tratam dos valores nobres com ‘Billy Elliot’, de Stephen Daldry. Neste caso, o filme conta a história de um menino de um bairro pobre inglês que sonha em ser um grande bailarino.

Além da atitude sonhadora e criativa do garoto, capaz do que for preciso para alcançar o seu desejo, destacamos a atuação do seu pai, Jackie Elliot, interpretado maravilhosamente por Gary Lewis. Um mineiro sem muita instrução que é capaz de superar sua própria ideologia para conseguir que o seu pequeno chegue ao seu máximo potencial.

O personagem não é capaz de compreender seu próprio filho, assim como a sua paixão pela dança em um ambiente totalmente hostil. Contudo, a aceita e faz tudo que está a seu alcance para que o jovem realize o seu sonho.

‘A Fantástica Fábrica de Chocolate’

A fantastica fábrica de chocolate

Outro filme brilhante que apela aos valores nobres é ‘A Fantástica Fábrica de Chocolate’, de Tim Burton. Escondida entre muita parafernália e humor sarcástico, está uma história realmente comovente e bela.

Existe alguma coisa mais bonita do que ver uma família humilde gastando tudo o que tem para conseguir que o seu pequeno conheça a célebre fábrica de chocolate de Willy Wonka? Cada um dos membros da família, pais e avós, apostam suas pobres finanças para fazer feliz a um menino bom, trabalhador e agradecido.

‘A Língua das Mariposas’

Há alguns anos atrás o maravilhoso diretor José Luis Cuerda adaptou o talentoso escritor Manuel Rivas em um filme que tocou o coração de inúmeros amantes do cinema: ‘A Língua das Mariposas’.

A lingua das mariposas
Encontramos a história de um velho professor, Fernando Fernán Gómez, amante do ensino, dando tudo o que tem pela felicidade dos seus jovens alunos. Até o último momento da sua incompreendida vida, inclusive quando sabe que tudo acabou, continua sendo fiel a seus princípios e carinho para com as crianças, apesar da sua mensagem de bondade e solidariedade só fazer sentido na cabeça de um deles.

A liberdade estimula o espírito dos homens fortes.”
-Frase extraída de ‘A língua das mariposas’-

‘O Fabuloso Destino de Amélie Poulain’

O fabuloso destino de Amelie Poulain

Jean Pierre Jeunet ofereceu, faz alguns anos, uma das grandes joias do cinema mundial, chamada ‘O Fabuloso Destino de Amélie Poulain’. Um filme delicioso que defende os valores nobres com um senso de humor e uma sensibilidade deliciosa.

Amélie Poulain não é uma garota qualquer. Desde que a sua mãe faleceu, seu pai dedica todo o seu afeto a um gnomo de jardim em sua casa em Montmartre, onde ela cresceu e onde trabalha como atendente em um bar. Sua vida é muito simples: gosta de jogar pedras ao rio, comer framboesas, observar as pessoas e, principalmente, deixar a sua inesgotável imaginação voar.
Aos 22 anos ela descobre que a sua vocação é ajudar os outros e coloca suas mãos à obra, mas sem desejo de sacrifício, simplesmente com a intenção de curtir fazendo isso. Uma decisão que irá mergulhá-la em uma viagem incrível e que nós, através de um grande filme, teremos a oportunidade de seguir e aproveitar.

 

‘O Exótico Hotel Marigold’

O exótico hotel Marigold

O diretor John Madden nos ofereceu dois filmes sobre o Hotel Marigold, um alojamento caindo aos pedaços na Índia onde os idosos podem ficar e viver felizes nos seus últimos dias de existência.

Contudo, o hotel acaba sendo muito mais que isso. Pessoas que encontram a si mesmas, se ajudam e colaboram entre si, se apaixonam e voltam a aproveitar uma segunda chance para se sentirem únicas e unidas, mais além da solidão e do desamparo.

“No fim das contas tudo vai dar certo, e se não der certo ainda não é o final.”
-Frase extraída de ‘O exótico hotel Marigold’-

São 5 filmes que tratam dos valores nobres e conseguem desenhar sorrisos verdadeiros em nossos rostos. Agora só nos resta transpor o conto para a nossa realidade cotidiana. Será que assim seremos capazes de criar um mundo melhor para todos?

TEXTO DEPedro Liberdade
FONTEA mente é maravilhosa
COMPARTILHAR
Revista Pazes
Uma revista a todos aqueles que acreditam que a verdadeira paz é plural. Àqueles que desejam Pazes!



COMENTÁRIOS